Bolsas de Investigação Jornalística

De forma a promover a independência na investigação jornalística como contributo para uma sociedade mais informada, a Fundação atribui bolsas anuais para apoio a trabalhos de investigação sobre temas políticos, económicos, sociais, culturais ou históricos.

Podem candidatar-se os cidadãos nacionais ou estrangeiros, titulares de carteira profissional portuguesa de jornalista válida, com propostas de investigação jornalística no âmbito de questões políticas, económicas, sociais, culturais ou históricas, diretamente relacionadas com Portugal e os portugueses.

As candidaturas estão abertas de 23 de outubro a 11 de dezembro 2020.

Edição 2019

12 projetos de investigação

O júri, constituído por jornalistas e professores universitários de jornalismo (António Granado, Cândida Pinto, Cristina Ferreira, João Garcia e José Pedro Castanheira), apreciou cada projeto de investigação com base na adequação do CV de cada candidato, na relevância jornalística das propostas, a sua oportunidade, exequibilidade e possibilidade de divulgação num órgão de comunicação social, selecionou 12 projetos entre os 50 apresentados.

Os trabalhos de investigação já começaram a ser publicados na imprensa escrita, digital e em televisão.

Conheça as investigações de cada bolseiro.

JORNALISTAS

Edição 2018

10 projetos de investigação

O júri, constituído por jornalistas e professores universitários de jornalismo (António Granado, Cândida Pinto, João Garcia, José Pedro Castanheira e Maria Flor Pedroso), selecionou 10 projetos de investigação jornalística entre as 75 propostas apresentadas.

Os trabalhos de investigação foram sendo publicados na imprensa escrita, televisão, digital e rádio ao longo do ano.

Conheça as investigações de cada bolseiro.

JORNALISTAS