Prémios Gulbenkian

Os Prémios são anualmente atribuídos e dividem-se em: Prémio Calouste Gulbenkian, na categoria de Direitos Humanos, que em 2018 é dedicado à temática da liberdade de expressão, informação e imprensa; e Prémios Gulbenkian, nas categorias de Coesão, Conhecimento e Sustentabilidade.

O Prémio Calouste Gulbenkian na categoria de Direitos Humanos, vertente liberdade de expressão, informação e imprensa, tem um valor de 100 mil euros e os Prémios Gulbenkian nas categorias de Coesão, Conhecimento e Sustentabilidade têm um valor de 50 mil euros cada.

 

Prémio Calouste Gulbenkian
Direitos Humanos

Presidido por Jorge Sampaio, o júri do Prémio Calouste Gulbenkian, é composto por personalidades nacionais e internacionais, nomeadamente Emílio Rui Vilar, José Ramos-Horta, Demetrios G. Papademetriou, Michel Sidibé, Jody Williams e Asma Jahangir.

Prémios Gulbenkian
Coesão, Conhecimento e Sustentabilidade

O júri dos prémios nacionais é constituído por personalidades de relevo de várias áreas da vida nacional. Presidido por António Feijó, conta com Henrique Leitão, Miguel Tamen, João Ferrão, Paula Guimarães, Teresa Mendes e Sofia Guedes Vaz.