7 Outubro 2020 Notícias Desenvolvimento Sustentável

Hack for Good @ Home

Fundação Gulbenkian lança hackathon online para encontrar as melhores soluções tecnológicas para problemas ligados ao envelhecimento da população

Hack for Good @ Home é a nova maratona de desenvolvimento tecnológico (hackathon) promovida pela Fundação Calouste Gulbenkian, que decorrerá exclusivamente online. A iniciativa desafia a comunidade tech a criar soluções inovadoras para resolver problemas ligados ao envelhecimento da população, um tema que tem marcado a agenda da Fundação Gulbenkian nos últimos anos.

Para responder a este desafio, programadores, engenheiros, designers, estudantes ou outros interessados poderão organizar-se em equipas de 3 a 5 elementos e identificar a área para a qual querem apresentar a sua solução: autonomia, conhecimento, comunicação e relações sociais, mobilidade individual, meios de transporte ou acesso a cuidados de saúde.

Saber mais

 

A maratona decorrerá em três fases:

Na fase de ideação, as equipas poderão programar as suas soluções, com o apoio de mais de 20 mentores especializados na área do Envelhecimento, que as poderão ajudar a direcionar o seu trabalho e a desenvolver soluções que contribuam efetivamente para a melhoria da qualidade de vida da população sénior.

Numa segunda fase, oito equipas pré-selecionadas terão oportunidade de, com base no feedback fornecido pelo júri, aperfeiçoar as suas soluções. As duas soluções mais inovadoras, que melhor respondam ao problema identificado, e que possuam um protótipo funcional e adequado às necessidades do mercado, serão premiadas com 2.000 euros que poderão utilizar para alavancar a sua solução.

Esta é a primeira vez que o Hack for Good decorre online, através da plataforma Taikai. Ao levar o Hack for Good Gulbenkian até à casa dos participantes, a Fundação Calouste Gulbenkian pretende eliminar barreiras geográfica e chegar a um maior número de pessoas, para que todas possam colocar o seu talento ao serviço do desenvolvimento sustentável, aumentando assim o potencial de impacto da iniciativa.

Criada em 2016 para promover a resolução de problemas sociais e ambientais através das novas tecnologias, a iniciativa Hack for Good partiu de um formato de evento anual único (entre 2016 e 2018) para passar a promover e apoiar uma rede nacional de hackathons que integram nos seus desafios temas relacionados com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável 2030 (desde 2019).

 

Principais datas:

6 de outubro a 2 de novembro – inscrições
3 a 16 de novembro – fase de ideação, com apoio de mentores
17 a 23 de novembro – ronda de pré-seleção
24 a 30 de novembro – aperfeiçoamento das soluções pelos finalistas
1 a 3 de dezembro – avaliação do júri
3 de dezembro – pitches finais e anúncio dos vencedores