Relatório 2014

O ano de 2014 ficou marcado pela reabertura do Grande Auditório que, depois de oito meses de profundas obras, iniciou uma nova fase enquanto uma das mais modernas e mais bem equipadas salas de espetáculo, no seu género, à escala internacional. Mais do que uma necessária atualização tecnológica, a renovação do Grande Auditório simbolizou também uma aposta no alargamento de públicos, permitindo que a Fundação consiga chegar a mais pessoas, quer diversificando a sua programação, quer articulando a sua intervenção nas diferentes áreas.

 

Relatório e Contas da Fundação Calouste Gulbenkian - 2014 (PDF 8MB) 2014 em destaque (PDF)