Asylum Challenges, Debates and Reforms

Quando um milhão de pessoas procuraram refúgio na Europa em 2015 devido a guerras e conflitos violentos no Médio Oriente e no Norte de África, as deficiências estruturais no Sistema Comum Europeu de Asilo tornaram-se evidentes.

Esta publicação, coordenada pela Fundação Bertelesmann em parceria com a Fundação Calouste Gulbenkian, analisa como os sistemas de asilo Alemão, Polaco, Português e Sueco se adaptaram desde 2015, quais as reformas introduzidas e quais os desafios que permanecem.

Ficha técnica

Edição:
1ª ed.
Idioma:
Inglês
Coordenação editorial:
Fundação Bertelsmann
Editado:
2021
Páginas:
208 p.