Comer bem é mais barato

Informar e incentivar as famílias a retomar hábitos alimentares tradicionais, muitas vezes mais saudáveis e a custos mais baixos, foi o principal objetivo desta campanha, promovida pelas Fundações Gulbenkian e EDP e pela SIC. A Associação Portuguesa de Nutricionistas e a Associação para a Defesa do Consumidor também se associaram a esta campanha, que contou com a orientação científica da Professora Isabel do Carmo.

Entre maio e junho, a campanha percorreu o país de norte a sul para promover um estilo de vida saudável e mais económico, tendo estado presente em sete capitais de distrito: Évora, Lisboa, Porto, Coimbra, Faro, Santarém e Viana do Castelo

 

 

Ao longo de todo este período foi divulgada em todos os meios de comunicação social e estima-se que os spots televisivos tenham tido uma média de visualizações diárias de entre 2464 a 5337 pessoas. Além disso, foram distribuídas pelas famílias portuguesas cerca de cento e cinquenta mil brochuras com receitas e conselhos práticos e foi realizada uma ação dirigida a jovens mães no Casal da Boba (Amadora).

Informação Relacionada