Vencedores 3.ª edição do concurso Investigação para o Desenvolvimento

Concurso aberto de 1 de março a 30 de abril

As candidaturas selecionadas na 3.ª edição do concurso foram:

  • Estratégia para aceleração da redução da mortalidade materna, neonatal e infantojuvenil na Guiné-Bissau, da ONGD VIDA – Voluntariado Internacional para o Desenvolvimento Africano, com a Novafrica – Nova School of Business and Economics, da Universidade Nova de Lisboa 
  • Desenvolvimento da Plataforma PECOSOL – CONSUACCION para a Segurança Alimentar e Nutricional na América Central, da OIKOS- Cooperação e Desenvolvimento, com a Universidad CentroAmericana, Nicarágua.

Este concurso, que decorreu de 1 de março a 30 de abril, destinou-se a organizações não-governamentais portuguesas para o desenvolvimento, em parceria com instituições universitárias e científicas. Solicitava-se a apresentação de projetos de cooperação para o desenvolvimento que tivessem por objetivo a publicação dos resultados alcançados em revistas científicas.

A iniciativa visou contribuir para o reforço da capacidade de produção de conhecimento e influência de políticas públicas, por parte das ONGD portuguesas, assim como aproximá-las de instituições científicas e de ensino superior, através do apoio à sistematização científica de dados e resultados de projetos de cooperação para o desenvolvimento recentemente concluídos ou a finalizar.

Esta é uma iniciativa conjunta da Fundação Calouste Gulbenkian e do Camões – Instituto da Cooperação e da Língua.