20 Novembro 2019 Bolsas e Apoios

Bolseiros Gulbenkian apresentam peça sobre Democracia na Europa

“Tudo à volta de uma mesa” é uma performance artística de Tiago Barreiros, Lua Carreira e João Ramos Marta que quer dar voz à política da União Europeia no século XXI. Estreia em Portugal dia 26 de novembro.

Bolseiros Gulbenkian
© DR

Em dezembro de 2018, três bolseiros da Fundação Calouste Gulbenkian residentes na Holanda reuniram-se em Amesterdão em busca da resposta a uma pergunta: pode a arte, nas suas diferentes modalidades, ajudar a combater o crescimento de populismos e nacionalismos na Europa? Assim surgiu a ideia de “Tudo à volta de uma mesa”, uma performance de Tiago Barreiros (bailarino/produtor), João Ramos Marta (músico) e Lua Carreira (bailarina) em que a força da palavra, da música e da dança interagem em defesa da Europa Democrática.

A peça conta com a participação dos três artistas bolseiros, que interpretam um monólogo e uma coreografia de dança contemporânea ao som de obras barrocas e contemporâneas para flauta a solo. A performance, com duração de 15 minutos, termina com um debate aberto com o público e alguns convidados, em que se pretende uma partilha de ideias e reflexões para “dar movimento aos cidadãos da Europa”.

Desenvolvida a partir de uma colaboração com o Centro de Informação Europeia Jacques Delors, o espetáculo procura sensibilizar o público para os feitos da União Europeia nos últimos 70 anos em prol da Paz, consciencializá-lo para os problemas que esta enfrenta nos dias de hoje (e.g. o nível elevado de abstenção política, o crescimento de populismos e nacionalismos) e relembrar os direitos e deveres de todos enquanto cidadãos.

A peça estreou na Holanda a 9 de maio deste ano, no Dia da Europa. Tem agora data marcada em Lisboa, no dia 26 de novembro, às 18 horas, no Caleidoscópio do Campo Grande.