Vanguardas no Jardim #2

Ciclo de oficinas de desenho

Podemos olhar para este jardim como uma criação artística, fruto de um contexto cultural e artístico, ou podemos ver uma interpretação do arquétipo da paisagem portuguesa. Mas também podemos abordar o Jardim como matéria para descodificar outros movimentos artísticos. Inspirados pelas vanguardas artísticas do início do século XX, vamos conhecer o Jardim pelo desenho. Uma viagem através de alguns dos movimentos artísticos mais notáveis desta época — nomeadamente, o Futurismo, a Arte Abstrata e o Dadaísmo —, explorando as abordagens e técnicas que cada um deles revelou. Cada sessão terá início com uma breve apresentação teórica do movimento e com a observação de algumas obras, a partir das quais será proposto um exercício que se destina a olhar e a desenhar o Jardim Gulbenkian com novas lentes, as das vanguardas artísticas! Um ciclo de oficinas de desenho para adultos que gostem de desenhar, orientado pelo urban sketcher Mário Linhares. 

Atualização em 11 Abril 2019