Sobre Mundialização e crioulização

À conversa com Leonor Nazaré, Filipa César e Odete Semedo

Filipa César propõe uma instalação e um filme de ensaio que abordam a crioulização para lá da linguagem e como modo de pensar o mundo. Uma conversa seguida de conferência-performance, por Odete Semedo, intitulada O avesso do panu.

Com a curadora Leonor Nazaré, a artista Filipa César e a convidada Odete Semedo

Maria Odete da Costa Soares Semedo é escritora e teórica literária. É investigadora sénior no Instituto Nacional de Estudos e Pesquisa (INEP) da Guiné-Bissau, onde coordena a Coleção Literária KEBUR II e a Série Palavras de Mulheres – um estudo biográfico de mulheres. Odete Semedo é também professora na Universidade Amílcar Cabral, na Guiné-Bissau. Enquanto escritora, trabalha tanto em português como em crioulo guineense, fundou a Revista de Letras, Artes e Cultura Tcholona e publicou dois livros de poesia, Entre o Ser e o Amar (1996) e No Fundo do Canto (2007). Foi ministra da Saúde, ministra da Educação Nacional, presidente da Comissão Nacional da UNESCO-Guiné-Bissau e reitora da Universidade Amílcar Cabral.

 

Gratuito com levantamento de bilhete no próprio dia

Próximas sessões

Sobre a atividade:

Duração: 60 minutos

Mínimo de participantes: 10

Máximo de participantes: 25

Língua: Português

Onde:

Ponto de encontro: Coleção Moderna — Espaço Projeto

Abrir Google Maps

Detalhes da atividade:

Época:

Ciclo:

Tipo:

Equipa educacional: