Nowhere – performance com livestream

Marino Formenti em colaboração com Ricardo Jacinto

09 — 29 abr, Anfiteatro ao Ar Livre

Todos os dias, das 10:00 às 20:00

entrada livre

30 abr, Anfiteatro ao Ar Livre

Conversa com os artistas, às 15:00

Após a performance, os artistas Marino Formenti e Ricardo Jacinto reúnem-se numa conversa informal com Penelope Curtis, Diretora do Museu Calouste Gulbenkian, Risto Nieminen, Diretor Gulbenkian Música e John Romão, Diretor da BoCA.

 

Durante 20 dias consecutivos, no Anfiteatro ao Ar Livre do Jardim Gulbenkian, o maestro, pianista e performer italiano Marino Formenti vive numa casa temporária construída pelo artista Ricardo Jacinto, onde se senta ao piano, toca, come, dorme, tudo num espaço impiedosamente público e privado. O público é convidado a entrar e sair livremente da casa para ouvir música ao vivo e pode seguir o artista 24 horas por dia via streaming. Intitulada Nowhere, esta performance remete para um não-lugar na cidade, onde a vida e a música se tornam uma só.

Com repertório de John Cage, Morton Feldman, Erik Satie, Brian Eno, Jean-Henri d’Anglebert, Gaspard le Roux ou Bjork, entre o barroco e o contemporâneo, Formenti vai testar os seus limites neste singular projeto.

Esta performance realiza-se no âmbito de uma colaboração e coprodução entre a Fundação Calouste Gulbenkian e a bienal de artes contemporâneas BoCA, um novo projeto com direção artística do ator e encenador John Romão.

Ficha técnica

Conceção e performance: Marino Formenti
Arquitetura: Ricardo Jacinto
Cálculo estrutural: Tiago Pereira
Construção: Sétima Geração, lda
Coprodução: BoCA, Fundação Calouste Gulbenkian, Amorim Cork Composites & Amorim Isolamentos
Apoio: Embaixada da Áustria em Portugal