21 Fevereiro 2020 Gulbenkian Itinerante

Gulbenkian Itinerante no Museu da Guarda

Amadeo de Souza-Cardoso, Sem título (Castelo). 1911, óleo sobre tela. Coleção Moderna

A próxima exposição Gulbenkian Itinerante  apresenta-se no Museu da Guarda já a partir do dia 27 deste mês. Intitulada Domínios do Olhar, a mostra reúne  31 obras das duas coleções do Museu Calouste Gulbenkian: a do Fundador e a Moderna. Dominam as paisagens e os rostos produzidos por artistas de diferentes épocas como Jean-Charles Cazin, Charles Joshua Chaplin, Jean-Baptiste Camille Corot, Amadeo de Souza Cardoso, Almada Negreiros, Nadir Afonso, Eduardo Batarda, Helena Almeida, Alberto Carneiro e Rui Chafes, entre muitos outros.

A curadoria é de João Mendes Rosa, diretor do Museu da Guarda, que além de propor um olhar singular sobre as coleções do Museu Gulbenkian, estabelece um sugestivo diálogo com as obras do acervo do próprio Museu da Guarda. A exposição pode ser visitada até 31 de maio.

Este ano, o roteiro expositivo Gulbenkian Itinerante inclui ainda o Centro de Arte e Cultura de Ponte de Sor, o Centro de Arte Contemporânea Graça Morais, em Bragança, e o Centro de Arte de Sines. Todos estes espaços vão acolher, até à primavera do próximo ano, diferentes exposições com curadoria a cargo dos seus responsáveis, mostrando as coleções do Museu Gulbenkian sob vários ângulos e perspetivas e, por vezes, em articulação com as suas próprias Coleções.

Saber mais