19 Agosto 2019

Falar de públicos na cultura

De 23 a 27 de setembro, a Lisbon Summer School ADESTE+ abre-se à discussão sobre públicos e audiências na cultura. O Open Day, a 25 e 26, promete partilhar boas práticas e oradores de prestígio na área.

Fundação Calouste Gulbenkian© Ricardo Oliveira Alves

Uma parte é dirigida a profissionais, instituições e organizações culturais, a outra será aberta ao público. Trata-se, neste caso, do Open Day, a 25 e 26 de setembro, que integra a conferência internacional ADESTE+, onde se discutirão os mais recentes desafios e perspetivas sobre a participação cultural nos nossos dias. O desafio do primeiro dia é precisamente perceber como o paradigma da participação está a mudar a cultura. Além da apresentação de quatro projetos (case studies), o público terá oportunidade de ouvir Mercedes Giovinazzo, mestre em Gestão das Artes que já passou por instituições como o Conselho da Europa ou o Fórum Universal das Culturas, falar sobre a importância da participação dos públicos nas atividades culturais.

No segundo dia, o tema alarga-se ao desenvolvimento das audiências e à sua influência na democracia. Wayne Modest, curador e responsável pelo Research Center of Material Culture, trará um tema quente para a mesa, numa intervenção a que chamou “As palavras contam: descolonizar os museus”.

Para os inscritos na restante parte do programa haverá ainda workshops, oficinas, debates e encontros com oradores convidados e especialistas de toda a Europa. A Summer School será uma oportunidade única para adquirir conhecimentos e informação e trocar experiências, num ambiente profissional inspirador.

A Lisbon Summer School ADESTE+ é a primeira de um ciclo de três que decorrerá até 2021, no âmbito do projeto ADESTE+, de que a Fundação Gulbenkian faz parte.

Saber mais Atualização em 19 Agosto 2019