Novas competências e lideranças

A Fundação Calouste Gulbenkian pretende contribuir para o desenvolvimento de profissionais e futuros líderes mais conscientes e responsáveis e estimular a atração e retenção de talento para o setor social.

 

Nos últimos anos, temas como a inovação social, a sustentabilidade ou o investimento social têm sido alvo de crescente interesse, estando cada vez mais presentes nas agendas internacionais. No entanto, a formação académica disponível sobre estes temas não tem acompanhado a procura das organizações e do mercado de trabalho.

Paralelamente, as organizações do terceiro setor, que são, em larga medida, as grandes responsáveis pela implementação de respostas para as necessidades das nossas comunidades, têm muitas vezes modelos de governance e de liderança pouco profissionalizados, apresentando lacunas em termos de planeamento, gestão e acompanhamento dos projetos que promovem.

A Fundação Gulbenkian decidiu criar e apoiar uma série de iniciativas que têm como objetivo:

  • Promover a formação de uma futura geração de líderes, incentivando a integração da sustentabilidade, da inovação ou do investimento social nos curricula das universidades e incentivando a investigação e a produção de conhecimento nestas matérias;
  • Atrair e reter talentos para o setor social e ambiental;
  • Fomentar uma força de trabalho mais consciente e responsável, orientada para o desenvolvimento de uma sociedade sustentável e eficiente no uso de recursos;
  • Reforçar as competências verdes de arquitetos, consultores e projetistas;
  • Promover a capacitação das organizações, de modo a garantir uma maior eficácia do seu trabalho;
  • Realizar projetos que incentivem a mentoria por “líderes pares”, pessoas que são referência nas comunidades a que pertencem, de forma a reforçar a sua capacidade de mediação e diálogo na comunidade.