1 Setembro 2020

Concursos 2020 do programa Cidadãos [email protected] já abertos!

As candidaturas para os concursos, que se desenvolvem em quatro grandes áreas, estão abertas até início de dezembro

Empenhado em fortalecer a Sociedade Civil, reforçar a cidadania ativa e empoderar os grupos mais vulneráveis, o Programa Cidadãos [email protected] lança hoje quatro concursos com o intuito de apoiar Organizações Não-Governamentais (ONG) portuguesas a desenvolver projetos em quatro grandes eixos:

Dirigido a projetos de:

  • Promoção da literacia democrática;
  • Sensibilização, informação e envolvimento dos cidadãos sobre a participação ativa na comunidade;
  • Promoção do voluntariado e da solidariedade;
  • Participação digital;
  • Atividades de advocacy;
  • Sensibilização, partilha de informação e participação em processos de tomada de decisão relativas a políticas públicas;
  • Colaboração com jornalistas de investigação para assegurar a transparência e combater a corrupção;
  • Promoção da literacia mediática, do combate às notícias falsas e à desinformação e de parcerias e diálogo estruturado com entidades públicas e privadas.

Dirigido a projetos de:

  • Educação e formação para os direitos humanos;
  • Empoderamento das crianças como detentoras de direitos;
  • Sensibilização, prevenção ou combate à violação dos direitos humanos;
  • Valorização da diversidade humana;
  • Promoção da tolerância e da igualdade de género;
  • Atividades de advocacy em direitos humanos;
  • Investigação e análise que sustentem a ação política;
  • Participação nos processos de tomada de decisão;
  • Recolha e publicitação de informação respeitante a violações dos direitos humanos;
  • Apoio a ações cíveis para a sua defesa;
  • Utilização do digital para promover o diálogo intercultural e os direitos humanos;
  • Identificação e adoção de boas práticas em áreas específicas dos direitos humanos.

Dirigido a projetos de:

  • Adoção de métodos participativos e/ou soluções inovadoras dirigidas a grupos vulneráveis;
  • Criação ou melhoria de serviços de suporte;
  • Apoio a jovens em risco de exclusão social, incluindo a sua reabilitação física, psicológica e social;
  • Apoio à integração de refugiados, migrantes, pessoas de etnia cigana, ex-reclusos, pessoas sem-abrigo e outros grupos marginalizados ou em risco;
  • Formação para a capacitação económica de indivíduos vulneráveis;
  • Apoio à mobilização do conhecimento dos mais velhos para benefício e inclusão das gerações mais novas de comunidades marginalizadas, nomeadamente através da cooperação intergeracional e de iniciativas de mentoria.

Dirigido a projetos de:

  • Formação, mentoria, coaching e consultoria em áreas prioritárias como advocacy;
  • Planeamento, gestão, comunicação e marketing, técnicas de avaliação e monitorização;
  • Acompanhamento de políticas e angariação de fundos;
  • Para estágios noutras ONG;
  • Participação em redes e outras formas de internacionalização;
  • Transferência de conhecimento e experiência entre organizações da sociedade civil;
  • Para realização de estudos, publicações e criação de bases de dados e repositórios de informação e conhecimento;
  • Reforço da capacidade e notoriedade do setor ou criação de um negócio social.

 

Eixo 1 Eixo 2 Eixo 3 Eixo 4

 

Uma sessão de esclarecimentos está marcada para 18 de setembro (presencialmente, na Fundação Calouste Gulbenkian, em Lisboa, e também através das plataformas digitais).

Ver evento

 

Além disso, e com vista a garantir o mais amplo acesso aos concursos, designadamente por parte das ONG do interior, esta sessão será complementada com workshops presenciais nas seguintes cidades e datas:

Braga: 22 setembro
Vila Real: 23 setembro
Évora: 28 setembro
Faro: 29 setembro
Covilhã: 1 outubro
Coimbra: 2 outubro

 

As candidaturas encerram, segundo os eixos, entre 4 e 11 de dezembro.

Veja o video de apresentação por Luís Madureira Pires, Diretor do Programa.

Ver video

 

O Programa Cidadãos [email protected] é uma iniciativa dos EEA-Grants gerida pela Fundação Calouste Gulbenkian, em consórcio com a Fundação Byssaia Barreto. Os concursos agora abertos surgem na sequência de outros, lançados em 2018 e 2019, nos quais foram aprovados 71 projetos, que tiveram um apoio financeiro de 4,2 milhões de euros.

Saber mais