História dos Programas Doutorais

Uma forte tradição na formação doutoral

 

A formação pós-graduada começou no IGC em 1993 sob a forma de um Programa de Doutoramento. O primeiro programa pioneiro de muito sucesso foi o Programa Gulbenkian de Doutoramento em Biologia e Medicina (PGDBM), seguido do Programa Gulbenkian de Doutoramento em Biomedicina (PGDB). O mérito deste programa inovador foi reconhecido e consequentemente adotado por outras instituições nacionais e internacionais. O IGC também teve outros Programas de Doutorado, incluindo um Programa de Doutorado em Biologia Computacional (PDBC) e um Programa de Educação Médica Avançada (PGMFA), ambos extremamente importantes, pois vieram preencher uma lacuna de investigação nestas duas áreas a nível nacional.

Em 2013, 20 anos após o início do primeiro programa de doutoramento do IGC, a Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) passou a apoiar o Programa de Doutoramento em Ciências Biomédicas Integrativas (PDIGC – PIBS) que evoluiu para o Programa de Doutoramento em Biologia Integrativa e Biomedicina – IBB , o programa atual.