Ciência Cidadã

O Programa Ciência + Cidadã é uma iniciativa do IGC, do ITQB NOVA e da Câmara Municipal de Oeiras que tem como objetivo aproximar a sociedade de Oeiras da ciência.

 

 

O Programa Ciência + Cidadã – uma iniciativa do IGC, do ITQB NOVA e da Câmara Municipal de Oeiras – visa aproximar de uma maneira participativa a sociedade de Oeiras da ciência, ao promover

  1. o diálogo aberto entre cidadãos, cientistas e representantes políticos, através de assembleias cidadãs e outras iniciativas;
  2. uma cidadania ativa, através de projetos de ciência cidadã que envolvem os cidadãos na descoberta da ciência no município e na proteção e preservação dos seus recursos naturais e património biológico.

A principal missão deste programa é ter a ciência como ponto de partida para cidadãos mais informados, participativos na sua comunidade e ativos na construção de um futuro saudável e sustentável. 

 

Assembleias cidadãs

O movimento ciência aberta cresce um pouco por todo o mundo, promovendo a transparência e o acesso aberto ao conhecimento científico. Esta abertura da ciência à sociedade traz também o convite à participação ativa do público na ciência, através de iniciativas de ciência cidadã, de forma a estabelecer um diálogo mais robusto e efetivo entre a sociedade e as instituições científicas. Neste sentido, o Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC), o Instituto de Tecnologia Química e Biológica da Universidade Nova de Lisboa (ITQB NOVA) e a Câmara Municipal de Oeiras (CMO) aliaram-se com o intuito de fomentar uma cidadania mais ativa que tem a ciência como ponto de partida.

Para tal, o IGC, ITQB NOVA e CMO vão realizar periodicamente Assembleias Cidadãs, enquadradas no programa de “Ciência e Tecnologia – 2020 a 2025” estabelecido pelo município de Oeiras. Nestas assembleias, um grupo selecionado de cidadãos representativo do concelho de Oeiras irá discutir temas de relevância na interface de ciência e sociedade, e propor ações que possam ser implementadas no concelho com visa a solucionar o problema em discussão. . Estas Assembleias serão precedidas por um Concurso de Ideias, lançado a toda a população. As propostas discutidas nas Assembleias Cidadãs serão apresentadas à CMO e às instituições científicas parceiras, que se comprometem a avaliá-las e a ajudar na sua implementação, sempre que possível. As primeiras Assembleias Cidadãs deliberativas de Oeiras vão ajudar-nos a definir estratégias mais eficientes de aproximar a ciência e a sociedade na busca pelo conhecimento.

A primeira Assembleia Cidadã decorreu nos dias 8 e 9 de fevereiro no Palácio do Marquês de Pombal em Oeiras, com a discussão  “Como é que envolvemos os cidadãos de Oeiras em ciência?” e “Como tornar a ciência mais acessível aos cidadãos?”. Para saber mais sobre este evento, consulte o relatório da primeira Assembleia Cidadã.

A data e o tema da próxima Assembleia Cidadã serão divulgados em breve.