José de Almada Negreiros. Uma maneira de ser moderno

Os ensaios publicados neste catálogo são um contributo muito importante para a renovação dos estudos sobre Almada Negreiros, ou que, a partir dele, pensam a modernidade enquanto mescla de diferentes ideias do moderno. Os textos de Mariana Pinto dos Santos, Carlos Bártolo, Marta Soares, Fernando Cabral Martins, Sara Afonso Ferreira, Ana Vasconcelos, Gustavo Rubim, Tiago Baptista e Luís Trindade são ensaios que abordam o artista, a sua obra e a sua produção escrita no contexto político-cultural do século XX e que analisam a complexidade e ecletismo tanto desse contexto como da obra de Almada, colocando-a no debate alargado da história da arte sobre modernidade e modernismos.

No final, uma cronologia da responsabilidade de Luis Manuel Gaspar dá um panorama mais detalhado do percurso artístico de Almada.

O catálogo está organizado em nove núcleos de imagens. Cada um é justificado com um pequeno texto introdutório. Esta organização arruma as obras numa ordem que não pretende no entanto contê-las em classificações, e desejaria antes manter a fluidez e a comunicação entre elas. Há entradas de catálogo pontuais que consistem em estudos recentes, informações novas ou perspetivas renovadas sobre a obra, ou conjunto de obras, que comentam. As entradas de catálogo são da responsabilidade de Mariana Pinto dos Santos, Carlos Bártolo, Begoña Farré Torras, Marta Soares, Cátia Mourão, Ana Vasconcelos, Pedro Freitas e Simão Palmeirim Costa.

  • Textos: Ana Vasconcelos, Carlos Bártolo, Fernando Cabral Martins, Gustavo Ruim, Luís Trindade, Mariana Pinto dos Santos, Marta Soares, Sara Afonso Ferreira e Tiago Baptista
  • Editor: Fundação Calouste Gulbenkian / Sistema Solar CRL (Documenta)
  • Editado: 2017
  • Capa: Brochado
  • Páginas: 423
  • Língua: Português
  • ISBN: 978-989-8758-30-9
  • Preço: €45
  • Stock: Disponível
  • Comprar