The Scientist: A microbiota intestinal na proteção contra infeções

© ISTOCK.COM, TLFURRER

Estudos recentes evidenciam que as bactérias que residem no nosso intestino podem desempenhar um papel essencial na prevenção e no combate a infeções. A Revista The Scientist reuniu as mais recentes descobertas e salientou o trabalho desenvolvido pelo IGC nos últimos anos.

Cientistas, espalhados por diferentes instituições europeias, demonstraram recentemente que algumas bactérias comensais são capazes de proteger o seu hospedeiro contra agentes patogénicos, como a Vibrio coleraea e a Salmonella, através da produção de substâncias tóxicas ou da competição por nutrientes.

O trabalho de investigação conduzido por Karina Xavier, bióloga molecular e investigadora principal do Instituto Gulbenkian de Ciência (IGC), foi salientado neste artigo da revista The Scientist. Segundo a investigadora, estes novos dados “podem explicar porque é que os indivíduos têm diferentes susceptibilidades” a infeções, de acordo com a composição e a diversidade da sua microbiota.

Estes estudos vieram corroborar resultados anteriores do grupo liderado por Karina Xavier, que mostrou que a bactéria comensal Klebsiella michiganensis impede a colonização do intestino por algumas bactérias patogénicas, dada a sua maior aptidão para consumir nutrientes.

A capacidade protetora das bactérias poderá ser aplicada no desenvolvimento de novos probióticos para evitar infeções.

Atualização em 26 outubro 2021

Definição de Cookies

Definição de Cookies

A Fundação Calouste Gulbenkian usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras.