Bela Silva

Lisboa, 1966

Vive e trabalha em Lisboa e Bruxelas. Estudou Escultura nas Escolas de Belas Artes do Porto e de Lisboa, onde finalizou a licenciatura; frequentou Cerâmica no Ar.Co, em Lisboa, o Norwich Fine Arts no Reino Unido e a School of The Art Institute of Chicago nos EUA, onde concluiu o mestrado.

Seleção de exposições: Chicago’s Ann Nathan Gallery (1994) e Rhona Hoffman Gallery (1997); Museu do Azulejo (1999); Museu Anastácio Gonçalves, Palácio da Ajuda e Fundação Ricardo Espírito Santo (Lisboa, 2007); realizou exposições na China e no Japão. Participou em coletivas no Brasil, na Espanha e em França. Orientou workshops no Japão e em Marrocos e realizou residências em Kohler, Wisconsin, EUA, e na Fabrica Bordalo Pinheiro, Caldas da Rainha, Portugal. É autora de várias obras de arte pública como o painel de azulejos para a estação de metro de Alvalade, os painéis para o Sakai Cultural Center’s Gardens no Japão e os painéis para a Escola João de Deus nos Açores.

O seu trabalho em cerâmica cita e comenta peças de diferentes patrimónios, desviando com ironia, excesso, ou simples estilização, os quadros de referência visuais e culturais.