a justiça intergeracional

habitação

Os decisores políticos e a sociedade civil defendem que as atuais gerações têm o dever de deixar às gerações seguintes bens e recursos pelo menos similares aos que herdaram das anteriores.

Também as oportunidades devem ser repartidas de forma justa entre as diversas gerações.

Mas será que é isto que está a acontecer?

Realizámos um estudo com o objetivo de responder às seguintes questões: Como tem evoluído o acesso à habitação própria em Portugal?
Existem desigualdades entre as várias gerações? Que riscos sociais representam?

Habitação: o que deixamos

de hoje para amanhã


0%

1990

0%

2000

0%

2016

Fonte: ICOR

A despesa anual média das famílias com habitação mais do que duplicou em 26 anos​

Em sentido contrário, a despesa pública com a habitação diminuiu para quase metade entre 1995 e 2017.


0%

1981

0%

1991

0%

2001

0%

2011
0%

2017
Fonte: Censos
Fonte: Microdados ICOR

A percentagem de jovens até aos 29 anos com casa própria tem vindo a diminuir drasticamente desde o início do século. Estima-se que, em 2017, apenas ¼ tinha habitação própria.​


0%2004

0%2018

Fonte: ICOR

A percentagem de jovens adultos (18-34) a viver em casa dos pais tem vindo a aumentar de forma sustentada. Em 2018, esta já tinha atingido os 64%.



0%


0%

Proprietário com
Hipoteca (<=29 anos)


0%


0%

Proprietário com
Hipoteca (30-44 anos)

2011
2017
Fonte: Microdados ICOR

Ao contrário das gerações anteriores, os Millennials têm uma baixa percentagem de proprietários com hipoteca antes dos 30 anos.

No entanto, quando inquiridos, 88% indica que gostaria de viver na sua própria casa dentro de 5 a 9 anos*

(*Fonte: Century 21, 2019 – II Observatório do Mercado da Habitação em Portugal)


140
120
100
80
60
40
20
0
<35
35-44
45-54
55-64
65-74
<=75
2010
2013
2017
Fonte: Banco de Portugal, 2020 – Inquérito à Situação Financeira das Famílias: resultados de 2017 e comparação com as edições anteriores

As famílias mais jovens registaram uma redução de riqueza líquida superior a 50% desde 2010


Idade da Reforma

40
44
48
52
56
60
64
68
72
76
80
84

Fonte: Banco de Portugal, 2018 – Distribuição dos montantes em dívida dos empréstimos à habitação das famílias por idade do mutuário no final do contrato

Em 2018, 55% do crédito à habitação era detido por pessoas que só acabariam de o pagar depois da idade da reforma.

Estudo com autoria de Romana Xerez, Elvira Pereira e Francielli Dalprá Cardoso, do Centro de Administração e Políticas Públicas do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas da Universidade de Lisboa.

A análise foi feita com recurso aos Censos 1970-2011, Pordata, Eurostat, INE e microdados do Inquérito às Condições de Vida e Rendimento (ICOR) de 2011 e 2017.​

 

Descarregar estudo