Projeto Home de Carlos Bunga mudou-se para o Jardim Gulbenkian

O projeto inédito de Carlos Bunga instalado num contentor marítimo, originalmente localizado no Terreiro do Paço em Lisboa, pode agora ser visto no Jardim Gulbenkian.
Instalação «Home», desenvolvida para o CAM em Movimento. Foto: Pedro Jafuno

Inicialmente apresentado junto à estação fluvial do Terreiro do Paço em Lisboa, entre janeiro e julho de 2022, o projeto Home do artista Carlos Bunga mudou-se para o Jardim Gulbenkian, onde pode ser visto a partir de hoje.

Parte da programação CAM em Movimento, o artista foi convidado a desenvolver um projeto site-specific para um contentor marítimo. A instalação resulta do pensamento político, e de certa forma também poético, que o artista tem vindo a desenvolver em torno da ideia de ‘casa’. Bunga debruça-se sobre questões de memória, afinidade e proteção associadas às nossas casas, e convida-nos a refletirmos sobre delas.

Este contentor junta-se ao primeiro contentor do CAM em Movimento, também instalado no Jardim, onde se têm vindo a apresentar vídeos da Coleção do CAM desde 15 de outubro de 2021. Conheça todos os projetos.

Atualização em 02 agosto 2022

Definição de Cookies

Definição de Cookies

A Fundação Calouste Gulbenkian usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras.