• França, 1873
  • Bronze. Modelo de tiragem
  • Inv. 104
  • Escultura

Cupido Ferido (L’Amour blessé)

Jean-Baptiste Carpeaux

No Verão de 1873, Carpeaux passou umas semanas de férias com sua mulher e seu filho Charles em casa de Alexandre Dumas (Filho) em Puys, perto de Dieppe. A ideia para esta obra surgiu-lhe quando a criança, após ter feito um ferimento no braço, lhe sorriu através das lágrimas. Passada ao mármore e exposta no Salon do ano seguinte (1874), a obra foi bem acolhida pelo público e pela crítica, uma vez que tinha os ingredientes trágicos necessários para agradar ao gosto burguês e um talento de execução notável, que justificou a execução de mais duas réplicas em mármore, ainda em vida do artista.

O exemplar do Museu Calouste Gulbenkian, conservado pelo artista até à morte e adquirido pelo colecionador aquando da venda do Atelier Carpeaux em 1913, é uma peça muito interessante do ponto de vista técnico, já que possui montagem e elementos de ligação à vista, inerentes à sua função de modelo de tiragem.

Proveniência

Coleção Carpeaux. Adquirida por Calouste Gulbenkian, por intermédio de Graat, na Venda J.-B. Carpeaux, realizada em Paris, Galeria Manzi, 30 de maio de 1913 (lote 6)

A. 78,8 cm; L. 56,6 cm; Prof. 32 cm.

Lami 1914

Stanislas Lami – Dictionnaire des Sculpteurs de l’Ecole Française au Dix-Neuvième Siècle. Tome premier, A-C.

Paris, 1914.

Paris 1975 Sur les traces de Jean-Baptiste Carpeaux, (catálogo da exposição). Paris: Grand Palais, 1975.

Calais 1982

De Carpeaux à Matisse. La Sculpture Française de 1850 à 1914 dans les musées et les collections publiques du Nord de la France, (catálogo da exposição). Lille : Musée des beaux-arts de Calais, 1982.

Wagner 1986

Anne Middleton Wagner – Jean-Baptiste Carpeux. Sculptor of the Second Empire. New Haven & London: Yale University Press, 1986.

Jeancolas 1987

Claude Jeancolas – Carpeaux, Sculpteur et Peintre. Lausanne: Edita, 1987.

Figueiredo 1992

Maria Rosa Figueiredo – A Escultura Francesa. Catálogo de Escultura Europeia. Lisboa: Museu Calouste Gulbenkian, 1992, vol. I, p. 164-170.

Poletti e Richarme 2003

MichelPoletti e Alain Richarme – Jean-Baptiste Carpeaux Sculpteur. Catalogue raisonné de l’œuvre édité. Angers: Les Editions de l’Amateur, 2003.

Atualização em 05 Julho 2018