René Lalique na Casa Lis em Salamanca

De maio a setembro, o Museo Art Nouveau y Art Déco - Casa Lis dedica uma exposição ao artista René Lalique graças a um empréstimo de obras da Coleção do Fundador.

A exposição René Lalique, joyero mostra um conjunto importante de joias emprestadas pelo Museu Calouste Gulbenkian, traçando o percurso de Lalique (1860-1945) e a forma como o seu trabalho evoluiu através dos materiais que utilizou, desde o início da sua atividade como joalheiro até às peças em vidro que executou. Esta produção é contextualizada pela apresentação de desenhos preparatórios, assim como por outras obras em vidro e prata realizadas pelo artista.

As peças em exposição, nunca antes apresentadas em Espanha, provêm do vasto núcleo de obras que Calouste Gulbenkian, amigo próximo do artista, adquiriu em vida para a sua coleção particular, hoje Coleção do Fundador do Museu Calouste Gulbenkian.

O gosto pelo orgânico na arte da transição do século XIX para o século XX e a grande imaginação de Lalique transformaram-no numa importante referência para dois movimentos artísticos: a Arte Nova e a Arte Déco. O museu que agora acolhe esta exposição é um reflexo fiel de ambos, tanto pelas suas coleções como pelo seu edifício. Exemplo da arquitetura que se realizava no início do século XX, este último funciona assim como um lugar único para mostrar a obra deste prolífico artista.