Pierre Soulages (1919-2022)

Internacionalmente aclamado, o pintor francês Pierre Soulages faleceu terça-feira, a 25 de outubro, aos 102 anos. Criador de complexas texturas, Soulages escolheu o preto como a sua cor de trabalho e a espátula como instrumento de pintura.
Pierre Soulages, «Peinture 89 x 130 cm, 23 janvier 1954», 1954. Inv. PE115

Pierre Soulages nasceu em 1919, em Rodez, França. Na sua cidade natal foi construído e inaugurado em 2014 um museu dedicado à sua obra, que apresenta a doação de 500 obras  efetuada pelo artista e pela sua mulher.

Artista desde cedo incluído na Escola de Paris, juntamente com Maria Helena Vieira da Silva, Pierre Soulages é também considerado o pai do Informalismo francês. A investigação que realiza acerca do espaço pictórico, da multiplicação, da repetição e do gesto de formas é fortalecido durante a década de 1950, já depois de ter decidido que se dedicaria exclusivamente à pintura no pós-II Guerra Mundial, quando se muda para Paris.

Conhecido com o pintor do preto, todo o trabalho em torno desta cor relaciona-se com a luminosidade e é focada inteiramente sobre a luz, reinventando-a e estabelecendo um jogo de tensões entre o claro e o escuro. A caligrafia chinesa acabará por influenciá-lo, sobretudo no que concerne a uma abstração caligráfica.

A Coleção do CAM – Centro de Arte Moderna Gulbenkian tem no seu acervo uma pintura, de grande importância na obra do artista, Peinture 89 x 130 cm, 23 janvier 1954adquirida em 1980, e que foi comprada para fazer parte da abertura do Centro em 1983.

Ao longo da sua carreira recebeu numerosas distinções como o prémio Grand Prix des Arts da cidade de Paris.

Atualização em 02 novembro 2022

Definição de Cookies

Definição de Cookies

A Fundação Calouste Gulbenkian usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras.