Coleções Fotográficas

Coleção José Luís Tinoco

Coleção constituída por 955 diapositivos realizados pelo arquiteto José Luís Tinoco e adquiridos pela Fundação Calouste Gulbenkian, com obras de pintura, gravura e desenho produzidas por artistas portugueses entre as décadas de 40 e 70 do século 20.
(Ver Coleções digitalizadas).


Arquitetura e escultura portuguesas dos séc. XVI-XIX

Esta coleção compõe-se de 2.400 provas fotográficas (p/b), que resultaram de um levantamento de arquitetura e escultura portuguesas do século XVI ao século XVIII, levado a cabo por investigadores do Courtauld Institute of Art
(Ver Coleções digitalizadas).


A Talha em Portugal

Levantamento fotográfico, constituído por 1 878 provas e 1 416 negativos p&b, realizado pelo historiador de arte americano Robert Chester Smith nos anos 1960.
(Ver Coleções digitalizadas)


Azulejaria Portuguesa

Levantamento (5028 fotografias, p&b e cor) realizado por João Miguel dos Santos Simões entre 1960-1968 e de que resultou a elaboração de Corpus da azulejaria portuguesa, publicado pela Fundação Calouste Gulbenkian entre 1963-1970.
(Ver Coleções digitalizadas).


Coleção Mário Novais

Esta coleção é constituída por 80.309 documentos fotográficos de diversos tipos (negativos, diapositivos, interpositivos) que abrangem os 50 anos de atividade do Estúdio Novais, do fotógrafo Mário Novais.
(Ver Coleções digitalizadas).


A Arquitetura Gótica em Portugal

Esta coleção resulta do trabalho de investigação realizado pelo historiador de arte Mário Tavares Chicó e pelo fotógrafo Mário Novais, e é constituída por 410 provas (p/b), em formato 18×24, de que veio a resultar a monografia intitulada A Arquitetura gótica em Portugal, editada em 1954.
(Ver Coleções digitalizadas).


Do Estádio Nacional ao Jardim Gulbenkian

Coleção formada por 929 diapositivos que resultaram da recolha documental e fotográfica que deu origem à exposição intitulada Do Estádio Nacional ao Jardim Gulbenkian: Francisco Caldeira Cabral e a primeira geração de arquitetos paisagistas. A coleção contém, maioritariamente, imagens de desenhos, projetos e obras da primeira geração de arquitetos paisagistas portugueses (1940-1970).
(Ver Coleções digitalizadas).


Fotografias do Oriente

Esta coleção é constituída por 518 provas fotográficas (p/b) de imagens de paisagens e de arquitetura, sobretudo a religiosa (séculos 15 e 18), de várias regiões e países do Oriente, resultando de um trabalho de investigação subsidiado pela Fundação Calouste Gulbenkian, efetuado pelo historiador Francis Millet Rogers na década de 1960.
(Ver Coleções digitalizadas).

Atualização em 06 Outubro 2017