Felosa-comum

Phylloscopus collybita

A felosa-comum é uma pequena ave insectívora especialmente comum na Península Ibérica a partir de Novembro devido à chegada de um grande número de aves invernantes, procedentes maioritariamente da Europa Ocidental (Ilhas Britânicas, França e Países Baixos). Ocorre numa grande variedade de meios arborizados incluindo parques e jardins em zonas urbanas.

O nome científico da felosa-comum – Phylloscopus collybita – tem um significado curioso: Phylloscopus agrega dois vocábulos gregos que aludem ao seu comportamento alimentar de procura ativa de insetos no meio da folhagem (phullon – folha; skopos – vigia); collybita deriva do grego kollubistés (contador de moedas) e remete para a sonoridade do seu canto. De resto, na Normandia a espécie era outrora conhecida pelo nome de “compteur d’argent”.

Uma visita ao Jardim Gulbenkian no Outono oferece-lhe a possibilidade de observar esta pequena e irrequieta ave, saltitando de galho em galho numa busca incessante de alimento e quase indiferente à sua presença. Aproveite a ocasião e desfrute de mais um atrativo que reforça a importância ornitológica do nosso Jardim.

Texto: João E. Rabaça