O Dia da Terra, a muitas mãos

Todos somos criadores! Enquanto habitamos o planeta Terra, estamos coletivamente a construí-lo e por isso somos corresponsáveis pelo resultado.

Esta é uma mensagem presente no filme “A Vossa Terra”, realizado por João Mário Grilo sobre “as paisagens” de Gonçalo Ribeiro Telles (projetado no dia 22 de abril na Fundação). A mesma mensagem foi deixada pelo botânico Jorge Paiva, que falou sobre a importância da fitodiversidade para a vida na Terra.

Entre contadores de histórias, danças de roda, oficinas para crianças e famílias, piqueniques feitos com muitas flores comestíveis, revimos o documentário de Wim Wenders e Juliano Salgado “O Sal da Terra” e debatemos a sustentabilidade.

Tal como a Terra que habitamos é uma construção coletiva, criámos, retângulo a retângulo, uma pintura coletiva que ficará no átrio da Biblioteca de Arte, de 23 a 30 de abril.