FCG Secção: Jardim

O “anel” da Estrelinha-real

No passado dia 22 de fevereiro, Nuno Reis, um visitante do Jardim, partilhou connosco uma fotografia sua, tirada nessa tarde no Jardim Gulbenkian, onde podemos ver uma estrelinha-real anilhada.

As estrelinhas-reais são residentes no Jardim Gulbenkian mas, durante a estação fria, algumas aves oriundas possivelmente do centro e norte da Europa, migram para sul em busca das amenidades climáticas que asseguram a sobrevivência dos indivíduos. A ave que a foto documenta tem uma anilha da Holanda, sugerindo ser esta a sua origem geográfica.

A raridade deste registo no nosso país merece ser realçada. É notável que uma ave com menos de 10cm de comprimento e 5-7gr de peso, efetue anualmente uma migração de milhares de quilómetros!

É este um dos fascínios do nosso jardim: permitir contar uma história em que as aves são os protagonistas e o palco é a dinâmica sazonal da natureza, que pode ser apreciada mesmo numa cidade.

Agradecemos a Nuno Reis a fotografia, e a Hélder Cardoso e Antonio Gutierrez a ajuda na identificação da anilha.

João E. Rabaça