FCG Secção: Música

Solistas da Orquestra Gulbenkian

Sexteto de violoncelos com entrada livre no Grande Auditório

Varoujan Bartikian, Martin Henneken, Jeremy Lake, Levon Mouradian, Marco Pereira e Raquel Reis interpretam os arranjos para seis violoncelos de obras dos compositores David Popper, Manuel de Falla e Edvard Grieg.

Requiem, op. 66 é uma obra melancólica, composta em 1892 e dedicada à memória de Daniel Rahter, amigo e editor de David Popper. Mais tarde, em 1913, viria a ser tocada no funeral do próprio compositor, marcando de certa forma o final da era dos grandes violoncelistas românticos do século XIX.

Canciones populares españolas é uma obra de Manuel de Falla, célebre compositor espanhol. Foi por influência de Felipe Pedrell, com quem estudou em Madrid, que de Falla – como viria a ficar conhecido – começou a interessar-se pela música espanhola, em particular o flamenco andaluz que, a par com outros géneros musicais de diferentes regiões espanholas, está presente nesta composição.

A Suite Holberg, com cinco movimentos, é uma das mais conhecidas peças de Edvard Grieg. Criada para celebrar os 200 anos do nascimento de Ludvig Holberg, escritor e erudito dinamarquês do século XVIII, tem como inspiração as danças barrocas. Inicialmente composta para piano foi, no ano seguinte, adaptada para orquestra de cordas.