Peter-Harvey-destaque

Peter Harvey

Barítono

Peter Harvey estudou na Guildhall School of Music and Drama, em Londres. Recebeu vários prémios em competições internacionais, incluindo o Concurso de Lieder Walther Grüner, o English Song Award, e o Peter Pears Award. Ao longo da sua carreira, realizou mais de cem gravações que abrangem oito séculos de repertório com particular incidência na música do período Barroco.

Com os English Baroque Soloists e com o Coro Monteverdi, sob a direção de John Eliot Gardiner, participou no projeto de gravação “Bach Cantata Pilgrimage” que inclui a célebre cantata a solo Ich habe genug BWV 82. Colabora também regularmente com o maestro Paul McCreesh e o Gabrieli Consort, tendo participado nas gravações de A Criação de J. Haydn (vencedora de um prémio Grammy) e nos registos da Paixão segundo São Mateus de J. S. Bach, das Vésperas de Monteverdi e de Solomon de Händel, bem como em muitos concertos nos principais palcos mundiais. Colabora também com outros importantes agrupamentos como The King’s Consort, London Baroque, The Sixteen, Retrospect Ensemble, Purcell Singers, Orchestra of the Age of Enlightenment, Academy of Ancient Music, La Chapelle Royale, Collegium Vocale Ghent, Les Talens Lyriques, Le Concert Spirituel e Arsys Bourgogne, entre outros. Destaque ainda para a sua longa associação com o maestro Michel Corboz e o Ensemble Vocal Lausanne. Peter Harvey fundou e dirige o Magdalena Consort, agrupamento que foca a sua atividade na música vocal de J. S. Bach.

Atualização em 08 fevereiro 2017

Definição de Cookies

Definição de Cookies

A Fundação Calouste Gulbenkian usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras.