O sentido enigmático do título

«O sentido enigmático do título e os ecos goyescos e picassianos das figuras mostram o gosto de Dacosta pelas mensagens simbólicas e pela utilização modernista de elementos da cultura popular e clássica. O adormecido picador – montado sobre um cavalo branco diante de uma caveira, de um estoque ensanguentado, de um pavão e de um pedestal com a cabeça de um ancião barbado ou filósofo – é o protagonista de uma cena irreal com possíveis alusões à fugacidade da vida e á imortalidade da alma. A paixão pela tauromaquia foi um tema habitual na obra de Goya e de Picasso. Para este último, a tourada encenava o drama da vida, o rito ancestral que confrontava o homem perante a morte. Dacosta recolhe esta ideia e vai traduzi-la numa obra reflexiva que prenuncia a força poética e alegórica de A Festa (1942) e alguns dos temas introspectivos que aparecerão na segunda fase.»

(SARAIVA, 2014, p. 32)


Bibliografia


Obras Relacionadas

Definição de Cookies

Definição de Cookies

A Fundação Calouste Gulbenkian usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras.