Revista #202

O escultor português Rui Chafes nasceu em 1966, ano em que morreu o italiano Alberto Giacometti. É, portanto, um encontro inédito e absolutamente improvável aquele de que fala esta newsletter e que tem hora marcada, na Delegação da Fundação Calouste Gulbenkian em Paris. Menos inédita (porque há outro caso), mas cúmplice e divertida é a história dos gémeos Gonçalo e Afonso, ambos a estudar no Instituto Superior Técnico com uma bolsa Gulbenkian Mais.

Este número desvenda ainda as próximas exposições – a de inverno, dedicada à Pose e Variações e à escultura no tempo de Rodin, e a que nos faz atravessar a ponte entre Lisboa e Bagdade, em busca de Arte e Arquitetura – e guia-nos numa visita à exposição de fotografia Ver com outros olhos, um projeto levado a cabo por pessoas cegas e com baixa visão que só prova que a arte é democrática e acessível a todos e que uma pessoa, mesmo cega, pode e sabe fotografar.

Saiba que, nesta edição, ainda se apresentam as novas Oficinas Gulbenkian do Conhecimento e se percorrem a temporada 2018-2019 da Gulbenkian Música e as atividades educativas que nos hão de entreter até ao início da primavera.

Download Newsletter (PDF 1MB)