Projeto Família

Título de Impacto Social

Relatório intermédio que descreve a execução do Projeto Família e principais aprendizagens recolhidas entre Julho de 2017 e janeiro de 2020, dividido em duas partes: Modo de intervenção e Modelo de financiamento.

O Projeto Família faz parte da primeira edição de Títulos de lmpacto Social (TIS) cujo investimento e liderado pela Fundação Calouste Gulbenkian e a contratualização e feita através da Estrutura de Missão Portugal Inovação Social. Este TIS foi lançado em julho de 2017 e é implementado na região do Porto.

O Projeto Família é implementado pela IPSS Movimento de Defesa da Vida e a sua intervenção promove a preservação em seio familiar de crianças e jovens em risco de institucionalização, através do desenvolvimento de competências parentais e relacionais e preparação para a autonomia no seio familiar. A institucionalização de crianças e jovens em risco afeta cerca de 7.000 crianças em Portugal e, de acordo com a OneValue, representa um custo mensal para a Segurança Social de cerca de 700 Euros por criança ou jovem.

Os investidores no TIS Projeto Família são a Fundação Calouste Gulbenkian e o Banco Montepio. As entidades implementadoras são o Movimento de Defesa da Vida (responsável pela implementação do projeto no terreno) e a MAZE (responsável pela monitorização e gestão de desempenho do projeto). A entidade responsável pelo pagamento dos resultados e reembolso a investidores e a Estrutura de Missão Portugal Inovação Social. A entidade pública responsável por acompanhar o projeto e o Instituto da Segurança Social.

Ficha técnica

Outras Responsabilidades:

Autores: Margarida Anselmo, Inês Charro
Coordenação Editorial: MAZE e Fundação Calouste Gulbenkian
Estrutura de Missão Portugal Inovação Social;
IPSS Movimento de Defesa da Vida;
Banco Montepio
MAZE
Instituto de Segurança Social
PO ISE Programa operacional Inclusão Social e Emprego

Edição:
1ª ed.
Idioma:
Português
Coordenação editorial:
Fundação Calouste Gulbenkian
Editado:
Lisboa, 2020
Páginas:
24