Colóquio/Letras 204

mai – ago 2020

Geração de 70

Nos 150 anos da afirmação da geração de 70, uma das mais brilhantes da cultura e da literatura portuguesas, a revista Colóquio/Letras dedica o número 204 ao estudo de algumas das suas figuras mais importantes e do próprio conceito de geração.

A diversidade e a profundidade destes artigos constituirão uma referência para os interessados nestes temas e em autores como Antero de Quental, Eça de Queirós, Ramalho Ortigão, Jaime Batalha Reis ou Teófilo Braga.

São publicadas cartas inéditas de Oliveira Martins e de Antero de Quental que completam o núcleo da revista.

Também o centenário do nascimento de Bernardo Santareno é evocado justamente, não apenas para lembrar o seu teatro mas também as memórias da sua experiência de médico a bordo da frota bacalhoeira na Terra Nova.

Na secção de inéditos encontramos um conto de Richard Zimler, “A Essência do Fado”, e páginas do diário de Marcello Duarte Mathias.

A revista tem a colaboração do pintor João Jacinto que cedeu uma sequência de obras inéditas para este número.

 

Sumário

Ficha técnica

Outras Responsabilidades:

Nuno Júdice (dir.)

Idioma:
Português
Editado:
Lisboa, 2020
Entidade
Fundação Calouste Gulbenkian
Dimensões:
170 x 245 mm
Páginas:
288