International Summer School on Social Innovation

Depois de, em 2008, ter sido apoiada a realização da primeira International Summer School on Social Innovation na Universidade Basca, teve lugar na Fundação Calouste Gulbenkian, em 2009, uma segunda edição, sob o tema “Inovação Social e Crise – Recuperação pela Inovação Social”.

Esta edição, com duração de três dias, contou com a presença de 105 participantes oriundos de 24 países, tendo-se debatido a forma como a inovação social pode ajudar a enfrentar a crise, através de projetos inovadores que permitam encontrar soluções para os problemas da atualidade, como o envelhecimento ou o desemprego.

A iniciativa, promovida pela Young Foundation em parceria com a Fundação Calouste Gulbenkian e a TESE- Associação para o Desenvolvimento, tem como objetivo fomentar a troca de experiências, conhecimento e competências entre as instituições envolvidas no processo de inovação social.

Atualização em 18 Janeiro 2017