Corpoemcadeia

A dança aliada aos princípios da terapia Gestalt, para a criação de um espaço de experimentação artística e de desenvolvimento pessoal com jovens reclusos

 

Promotor: Companhia Olga Roriz
Área Artística: Dança
Responsável área artística: Catarina Câmara
Responsável área social: Paula Ravara
Âmbito territorial: Sintra (Estabelecimento Prisional de Linhó)
Duração: 36 meses
ODS: 10. Reduzir as desigualdades

corpoemcadeia © Matilde Real
corpoemcadeia © Matilde Real
  • corpoemcadeia © Matilde Real

Corpoemcadeia é um projeto artístico de inclusão social que pretende levar a experiência da dança e do teatro a um grupo de reclusos, com idades compreendidas entre os 18 e 30 anos, em fase inicial do cumprimento da pena no Estabelecimento Prisional do Linhó. Através da vivência do trabalho de corpo/dança e dos processos criativos e metodologias da Companhia Olga Roriz, orientadas pelos princípios e práticas da Terapia Gestalt, procurar-se-á gerar espaços de experimentação e reflexão sobre a identidade e a experiência humana, e também sensibilizar a sociedade em geral, e em particular artistas e profissionais de saúde, para a mais-valia deste tipo de intervenções.

corpoemcadeia © Matilde Real
corpoemcadeia © Matilde Real
corpoemcadeia © Matilde Real
  • corpoemcadeia © Matilde Real

Para além de um espetáculo final com a direção artística de Olga Roriz, está prevista a edição de um livro onde se apresenta um novo modelo de intervenção artística comunitária baseado nos encontros entre Dança/Gestalt e ainda a produção de um documentário sobre o projeto.

 

Saber mais

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

 

Este projeto contribui para a seguinte meta

 

Meta 10.2

Até 2030, empoderar e promover a inclusão social, económica e política de todos, independentemente da idade, género, deficiência, raça, etnia, origem, religião, condição económica ou outra.