Como desenhar uma cidade?

Construção de um espaço social coletivo, inclusivo, acessível e participativo através da prática artística

 

Promotor: Associação Cultural Terra Amarela
Área Artística: Teatro, Música e Audiovisual
Responsável área artística: Marco Paiva
Responsável área social: Ana Rita Paiva
Duração: 24 meses 
ODS: 10. Reduzir as desigualdades, 11. Cidades e Comunidades Sustentáveis

Como desenhar uma cidade © Paulo Pimenta
Como desenhar uma cidade? © Paulo Pimenta
Como desenhar uma cidade © Paulo Pimenta
Como desenhar uma cidade? © Paulo Pimenta

O projeto Como Desenhar uma Cidade? pretende envolver um grupo de 60 pessoas provenientes de contextos sociais, económicos e culturais distintos, que vivam, estudem ou trabalhem na freguesia do Lumiar. Através da fusão de três linguagens artísticas – o teatro, a música e os audiovisuais – o projeto promove um processo de reflexão, prática e criação em torno da premissa chave de construir um espaço social coletivo, mais inclusivo, acessível e participativo.

A partir de um trabalho inicial de exploração em torno da ideia de cidade, e com a dinamização de ateliês multidisciplinares, tem previsto um trabalho artístico de criação a ser apresentado no final do segundo ano do projeto, em colaboração com a Braga Media Arts.

 

Saber mais

Relacionado

 

Como desenhar uma cidade? Primeiros meses, primeiro ano

O realizador Mário Melo Costa acompanha o projeto “Como desenhar uma cidade?” no seu processo de reflexão sobre “o que é uma cidade” e “o que é a acessibilidade cultural dentro de uma cidade”. Este vídeo documenta os primeiros meses do projeto.

Ver vídeo

Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

 

Este projeto contribui para as seguintes metas

 

Meta 10.2

Empoderar e promover a inclusão social, económica e política de todos, independentemente da idade, género, deficiência, raça, etnia, origem, religião, condição económica ou outra

Meta 11.3

Aumentar a urbanização inclusiva e sustentável, e as capacidades para o planeamento e gestão de assentamentos humanos participativos, integrados e sustentáveis, em todos os países