• 1949
  • Papel Agfa
  • Fotografia
  • Inv. FP301
  • Fotografia
  • Arte Portuguesa

Fernando Lemos

Sophia de Mello Breyner

Sophia de Mello Breyner (1919-2004) não teve «direito», tal como outros amigos retratados por Lemos, a duplas exposições ou encenações elaboradas. Talvez a evidência da sua claridade, o rigor da sua palavra, a transparência da sua postura ética, bastassem a Lemos, que a esta imagem deu o subtítulo de A Guerreira quando a apresentou no Museu de Arte Moderna — Colecção Berardo, em Sintra (2005).

 

É uma fotografia de contenção, mas ao mesmo tempo de clara afirmação de uma personalidade que em 1962, em pleno regime salazarista, ousava escrever:

Nunca choraremos bastante quando vemos
O gesto criador ser impedido
Nunca choraremos bastante quando vemos
Que quem ousa lutar é destruído”.* 

 

* Obra Poética II, Lisboa: Ed. Caminho, 1991, p. 143. 

 

JO

 

Maio de 2010

TipoValorUnidadesParte
Altura30,1cmpapel
Largura23,9cmpapel
TipoA definir
DataA definir
Fernando Lemos
Centro de Estudos de Fotografia
Curadoria: Centro de Estudos de Fotografia
27 de Maio de 2001 a 30 de Maio de 2001
Faculdade de Letras da Universidade de Coimbra
Exposição de fotografias da autoria de Fernando Lemos.