• 1965
  • Plexiglass
  • Tinta gliceroftálica
  • Inv. 81P566
  • Pintura
  • Arte Portuguesa

Lourdes Castro

Sombra Projectada de René Bertholo

Em 1964, Lourdes Castro começa a trabalhar em plexiglas, e descobre, por fim, «um material imaterial como as sombras» *. Este suporte plástico, sem textura e translúcido permite-lhe dar um novo destaque criativo e auto-suficiente àquele que é já, à data, o tema de pesquisa eleito no seu trabalho. A tridimensionalidade destes “quadros-objetos” permite-lhe explorar as potencialidades da sobreposição entre sombras e cores, o que torna estas marcas de presença, ainda mais fantasmáticas ou intangíveis.

 

Como já estava expresso em trabalhos anteriores sobre tela, a artista continua a tomar como modelos as pessoas que lhe são próximas afetivamente – neste caso o seu companheiro. Roubando-lhes diretamente a sombra, a artista explora a possibilidade de apropriação de um momento que se sabe fugitivo. Neste suporte em específico, está também convocada a interação entre a pessoa, e os gestos simples ou objetos comuns e simbólicos do quotidiano, nomeadamente nesta obra – a máquina de escrever.

  

 

* Texto datado de 1966, publicado no catálogo Lourdes Castro: Além da Sombra”, Lisboa, CAM-FCG, p. 53. 

 

 

 

Catarina Crua

Junho 2013

TipoValorUnidadesParte
Altura71cm
Largura116cm
Profundidade4,5cm
Tipo assinatura
TextoLourdes Castro
Posiçãofrente, canto inferior direito
Tipo data
Texto1965
Posiçãofrente, canto inferior direito
TipoAquisição
DataJulho 1981
Arte Contemporáneo Portugués
Lisboa, Fundação Calouste Gulbenkian, Centro de Arte Moderna, 1987
Catálogo de exposição
Arte Contemporáneo Portugués
Fundação Calouste Gulbenkian
Curadoria: CAM/FCG
Fevereiro de 1987 a Março de 1987
Madrid, Museo Espanõl de Arte Contemporáneo
Exposição organizada pelo CAM e pelos ministérios dos "Asuntos Exteriores" e da Cultura de Espanha. A exposição apresentou obras da Colecção do Centro de Arte Moderna e de colecções particulares.
A Partir da Colecção
CAMJAP/FCG
Curadoria: CAMJAP/FCG
25 Julho de 2006 a 29 Abril de 2007
Museu do CAMJAP - Piso 01
Comissariado: Jorge Molder e Leonor Nazaré
Estampa, Salón Internacional del Grabado y Ediciones de Arte Contemporâneo
Instituto Camões
Curadoria: Instituto Camões
9 de Novembro de 2005 a 13 de Novembro de 2005
Espaço Tentaciones, Madrid
Exposição organizada pelo Instituto Camões em colaboração com a Embaixada de Portugal em Madrid.
Pintura Portuguesa - Século XX
Câmara Municipal de Coimbra
Curadoria: Telo Morais
6 de Dezembro de 2001 a 27 de Janeiro de 2002
Casa Municipal da Cultura, Coimbra
Exposição que pretendeu retratar a produção de alguns pos pintores mais relevantes do século XX.
Atualização em 23 Janeiro 2015