Paula Rego: Contos tradicionais e contos de fadas

Obras da Coleção Moderna em exposição na Casa das Histórias

A exposição Paula Rego: Contos tradicionais e contos de fadas está patente na Casa das Histórias – Paula Rego, em Cascais, até 30 de setembro e conta com o empréstimo de várias obras pertencentes ao Museu Calouste Gulbenkian – Coleção Moderna.

Paula Rego começa em 1974 a pesquisar sobre o universo literário dos contos populares portugueses e em 1975, num ano de viragem da sua carreira, realiza a série de guaches Contos Populares Portugueses que a Fundação Calouste Gulbenkian adquire no ano seguinte, ao mesmo tempo que obtém uma bolsa de investigação para aprofundar o universo da ilustração de contos de fadas e de contos tradicionais em bibliotecas de Londres e Paris. Este universo manteve e mantém-se na obra da artista, combinando incessantemente histórias reais ou inventadas.

Materializa em 1977/78, em tecido, bonecos pertencentes à Coleção Moderna: A Princesinha Grávida, numa certa desconstrução da invenção quase perfeita das princesas, e O Príncipe Perfeito, de uma forte expressividade plástica, ambos também expostos em Cascais.