Obras de Vieira da Silva em Washington

Durante o mês de junho, obras de Vieira da Silva pertencentes à Coleção Moderna estão em exposição no National Museum of Women in the Arts.

No âmbito do programa «Month of Portugal», que celebra junho de 2018 como o mês de Portugal nos Estados Unidos da América, o National Museum of Women in the Arts, em Washington, D.C., com a colaboração da Embaixada de Portugal nessa cidade, acolhe a exposição On View: Maria Helena Vieira da Silva,

Para esta mostra, a Coleção Moderna do Museu Calouste Gulbenkian emprestou duas pinturas de Vieira da Silva (1908-1992) que se se enquadram numa fase amadurecida da sua obra, quando, passado os anos de formação e o exílio da Segunda Guerra Mundial, define um estilo próprio no campo exploratório da abstração: L’oranger, de 1954, e L’air du vent, de 1966. A tapeçaria Janela, também pertencente à Coleção Moderna, foi igualmente cedida temporariamente para a exposição, tendo sido executada pela Manufactura de Tapeçarias de Portalegre segundo um cartão da artista.