Carregar Eventos
  • Este evento já decorreu.
  • Conferência

Os Tapetes com Decoração Floral da Índia Mogol

Quando

Qua, 18 abril 2018
18:00 até 19:30

Onde

Edifício Sede – Auditório 3
Av. de Berna, 45A, Lisboa
217 823 000
Google Maps »

Bilhetes

Entrada gratuita sujeita à lotação do espaço.

As Flores do Imperador. Do Bolbo ao Tapete, a atual exposição a que é dedicada esta série de quatro conferências, tem como peças centrais dois magníficos tapetes que integram a Coleção do Fundador do Museu Calouste Gulbenkian. Estas peças são exemplares importantes do novo estilo floral que se desenvolveu na Índia mogol e conheceu uma ampla difusão na decoração arquitetónica e nas artes decorativas durante o reinado do imperador Xá Jahan (r. 1628-1658). A figuração naturalista de diversas espécies de flores, representadas em perfil e organizadas em filas, constitui uma das características fundamentais deste estilo. Na conferência examinar-se-ão em pormenor os tapetes e a sua história, assim como o contexto em que foram produzidos, tanto em termos da tradição indiana da tecelagem de tapetes como das tendências em voga no período em questão.

Esta conferência de Daniel Walker está inserida no âmbito da programação complementar da exposição As Flores do Imperador. Do Bolbo ao Tapete.

Daniel Walker é especialista em tapetes da Índia, foi conservador no Departamento de Arte Islâmica do MET e autor do catálogo da grande exposição de tapetes da Índia Mogol, Flowers Underfoot, 1997. Com formação em história da arte islâmica, Daniel Walker reformou-se recentemente após 42 anos de carreira na área da museologia. Exerceu funções de curador de arte antiga do Próximo e do Extremo Oriente no Museu de Arte de Cincinnati, foi diretor do departamento islâmico do Metropolitan Museum of Art (17 anos), diretor do Textile Museum em Washington, D.C., e, mais recentemente, diretor do departamento de têxteis e curador de arte islâmica no Art Institute of Chicago. Ao longo do seu percurso profissional, Daniel Walker organizou vinte e seis exposições, incluindo Flowers Underfoot: Indian Carpets of the Mughal, no Metropolitan Museum of Art, que contou com três belos exemplares emprestados pelo Museu Calouste Gulbenkian.