Métissages

Exposição de pintura dos artistas portugueses Benjamim Marques, Costa Camelo, João Moniz, Manuel Amorim, Paula Liberato e Rodrigo Ferreira. Organizada por Francisco Bethencourt, esta exposição exibiu um total de 18 trabalhos em diversas técnicas, realizados entre os anos de 1997 e 2000.
Exhibition of paintings by Portuguese artists Benjamim Marques, Costa Camelo, João Moniz, Manuel Amorim, Paula Liberato and Rodrigo Ferreira. Organised by Francisco Bethencourt, the show featured 18 works using different techniques that were produced between 1997 and 2000.

A exposição coletiva «Métissages» foi realizada no ano 2000, por iniciativa do Centre Culturel Calouste Gulbenkian (CCCG), em Paris, tendo sido organizada pelo seu diretor, Francisco Bethencourt. Os seis artistas portugueses escolhidos para o evento foram Benjamim Gonçalves Marques (1938-2012), Raul Costa Camelo (1924-2008), João Moniz (1949), Manuel Amorim (1950), Paula Liberato (1952) e Rodrigo Ferreira (1951).

A iniciativa pretendeu ir ao encontro dos objetivos traçados pelo CCCG naquele ano, numa aposta que visou a diversificação das temáticas das exposições, a valorização dos diferentes suportes de expressão artística e, sobretudo, o alargamento a domínios pouco divulgados (Relatório Balanço e Contas. FCG. 2000, 2001, p. 155). No caso da presente exposição, o objetivo foi apresentar «um equilíbrio entre [artistas] jovens e consagrados, residentes em Portugal e residentes em França» (Ibid.).

Na galeria de exposição, foi reservado um expositor por artista, tendo cada um deles selecionado três obras da sua autoria. Os dezoito trabalhos apresentados consistiram em óleos sobre tela e outras técnicas, realizados entre os anos de 1997 e 2000.

À semelhança do que sucedeu com várias das iniciativas no Centre Culturel Calouste Gulbenkian, não foi editado catálogo da exposição, mas sim um desdobrável e convites. O desdobrável inclui a biografia dos artistas e reproduções de alguns dos trabalhos exibidos.

As fotografias do evento permitem observar a presença de bastante público na inauguração, o que é corroborado pelo Relatório e Contas, segundo o qual as exposições do CCCG durante o ano 2000 «alcançaram uma boa frequência de público, cerca de 700 pessoas cada uma» (Relatório Balanço e Contas. FCG. 2000, 2001, p. 152). Algumas destas fotografias estão reunidas para consulta na documentação associada à exposição.

Joana Brito, 2019


Ficha Técnica


Artistas / Participantes


Publicações


Material Gráfico


Fotografias

Fotografias em álbum da inauguração da exposição

Fontes Arquivísticas

Arquivos Gulbenkian (Centre Culturel Portugais de Paris), Lisboa / PRS 05377

Pasta com folhetos de exposições organizadas no Centre Culturel Calouste Gulbenkian, em Paris. 1979 – 2004

Arquivos Gulbenkian (Centre Culturel Portugais de Paris), Lisboa / PRS 05378

Pasta com convites e recortes de imprensa de exposições organizadas no Centre Culturel Calouste Gulbenkian, em Paris. 1979 – 2003

Arquivos Gulbenkian (Centre Culturel Portugais de Paris), Lisboa / PRS 05608

Pasta com folhetos de exposições organizadas no Centre Culturel Calouste Gulbenkian, em Paris. 1997 – 2002

Arquivos Gulbenkian (Centre Culturel Portugais de Paris), Lisboa / PRS 04892

Albúm com coleção fotográfica, cor: inauguração (CCCG, Paris) 2000


Exposições Relacionadas

Definição de Cookies

Definição de Cookies

A Fundação Calouste Gulbenkian usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação, a segurança e o desempenho do website. A Fundação pode também utilizar cookies para partilha de informação em redes sociais e para apresentar mensagens e anúncios publicitários, à medida dos seus interesses, tanto na nossa página como noutras.