Recrutamento para Assistência Técnica

apoio à Faculdade de Medicina e Ciências da Saúde da Universidade Nacional de Timor Leste

O Programa Gulbenkian Parcerias para o Desenvolvimento está a recrutar uma pessoa para assistência técnica, com formação superior na área da saúde e ou ciências da educação, para o projeto de apoio à Universidade Nacional de Timor Leste.

Contexto:

O apoio institucional na formação e capacitação de recursos humanos da área da saúde em Timor Leste tem sido uma das prioridades de intervenção naquele país do Programa Gulbenkian Parcerias para o Desenvolvimento. Desta forma, a Fundação Calouste Gulbenkian está a desenvolver, desde 2012, um projeto de colaboração com a Universidade Nacional de Timor Leste, no sentido de apoiar o reforço das capacidades da Faculdade de Medicina e Ciências da Saúde na formação dos profissionais de saúde não médicos, nomeadamente na área das tecnologias da saúde.

 

Pretende-se colocar uma assessoria/assistência técnica, que ficará baseada na Faculdade de Medicina e Ciências da Saúde da Universidade Nacional de Timor Leste em Díli, nomeadamente na Escola de Tecnologias da Saúde, para dar apoio à direção desta faculdade ao nível do planeamento, organização e funcionamento dos cursos de Farmácia e Nutrição, bem como na preparação do curso de Ciências Biológicas e Laboratoriais, a iniciar em 2017.

 

Entidade contratante: Fundação Calouste Gulbenkian

 

Duração do contrato: 6 meses, com possibilidade de renovação

 

Data prevista de início: meados de março de 2016

 

Local: Díli, Timor-Leste

 

Funções previstas da Assistência Técnica:

1. Apoio à planificação e gestão de cursos:
a. Assessoria na organização académica;
b. Identificação de docentes para colaboração pedagógica;
2. Apoio na estruturação curricular;
3. Assessoria científica e pedagógica;
4. Apoio no planeamento do ano letivo de 2016;
5. Apoio na lecionação de módulos chave do curso de farmácia e/ou de nutrição;
6. Apoio no levantamento das necessidades formativas dos docentes da FMCS.
Requisitos Básicos:

1. Formação superior na área da saúde e/ou ciências da educação
2. Experiência em coordenação e gestão de projetos;
3. Experiência profissional em ambiente de ensino superior (docência ou funções de gestão);
4. Capacidades de planeamento de atividades a médio/longo prazo;
5. Boas qualificações escritas e orais em Português e Inglês;
6. Capacidade de trabalho em equipa;
7. Boa capacidade de adaptação a diferentes contextos culturais;
Requisitos preferenciais

8. Formação superior na área de Farmácia ou Nutrição;
9. Experiência na área de capacitação institucional;
10. Experiência de cooperação em países em desenvolvimento;
11. Conhecimentos de Tétum.
Processo de candidatura:

 

A carta de motivação e o curriculum vitae deverão ser enviados até ao dia 29 de fevereiro de 2016, para o e-mail: pgpd@gulbenkian.pt

Nota: A entidade contratante reserva-se no direito de decidir pela anulação deste concurso.