Gulbenkian Soluções Digitais Covid-19

Plataformas eletrónicas ou apps para a promoção da saúde pública e da mitigação dos efeitos da pandemia pelo novo coronavírus em Portugal.

Resultados

APCT – Associação de Apoio à Comunidade Tech4COVID19

Plataforma para racionalizar a procura de estabelecimento de bens de primeira necessidade e evitar ajuntamentos e prevenir focos de contágios.

Plataforma: posso-ir.com

Destinatários: Cidadãos

 

Associação Nacional dos Alistados das Formações Sanitárias

APP "Cuida-me" destinada a cuidadores informais de pessoas dependentes e com doença crónica, em particular pessoas idosas e dependentes no domicílio, atendendo às necessidades relacionadas com gestão da doença, cuidados na higiene, alimentação, ocupação, e como proceder no caso de prestação de primeiros socorros.

Plataforma em desenvolvimento

Destinatários: Cidadãos

 

Associação Patient Innovation

Centro de conhecimento digital centralizado de soluções simples e fáceis de implementar, que possam ser usadas em unidades de cuidados de saúde e no domicílio.

Plataforma: patient-innovation.com/condition/covid-19

Destinatários: Cidadãos e pessoas com doença

 

Betweien, inovação na educação

Ferramentas informativas e interativas sobre Covid-19 para os mais jovens, com e-books, audiobooks, versões animadas, linguagem gestual, músicas e jogos.

Plataforma em desenvolvimento

Destinatários: Crianças

 

Câmara Municipal de Esposende

Via verde colaborativa intermunicipal para mitigação de risco por Covid-19. Monitorização e mapeamento de necessidades no acompanhamento de doentes crónicos, apoio de saúde e social a grupos de risco e articulação municipal.

Plataforma: brightdigital.github.io/amago

Destinatários: Cidadãos

 

Centro Hospitalar Universitário de São João

"Telereabilitação de doentes com AVC seguidos no Centro Hospitalar Universitário de São João.

Plataforma: Através de contacto com o Centro Hospitalar Universitário de São João

Destinatários: Cidadãos

 

Centro de Medicina Digital P5

Resposta a dúvidas da comunidade sobre Covid-19; serviços de saúde digitais como a avaliação de sintomas e consultas médicas, informação sobre o impacto da Covid-19 em situações clínicas e promoção de bons hábitos.

Plataforma: p5.pt e brevemente de uma app

Destinatários: Cidadãos

 

Escola de Medicina, Universidade do Minho

Programa “Cuidar de Quem Cuida” de consultas urgentes de Psiquiatria por videochamada destinado aos profissionais de saúde que se encontram a garantir os serviços necessários à população.

Plataforma: p5.pt/apoio

Destinatários: Profissionais de saúde na 1ª linha da Covid-19

 

Ezfy, Lda

Módulo #EuFicoEmCasa dedicado às farmácias para identificação de sintomatologia e encaminhamento dos utentes, para informação sobre medidas de prevenção e promoção da continuidade terapêutica em situação de confinamento através da entrega de medicamentos e de assistência remota por farmacêuticos das respetivas farmácias, para aferir a efetividade e adesão aos tratamentos.

Plataforma: Através de contacto com os promotores [email protected]

Destinatários: Farmácias

 

Health Cluster Portugal

Apoio técnico e suporte remoto à operação de equipamentos de ventilação.

Plataforma em desenvolvimento

Destinatários: Profissionais de saúde na 1ª linha da Covid-19

 

Instituto Padre António Vieira

Recrutamento de cuidadores informais, formação acelerada dos mesmos via elearning e match entre necessidade e oferta.

Plataforma em desenvolvimento

Destinatários: Cidadãos

 

Instituto de Saúde Baseada na Evidência – ISBE

Plataforma online para implementar um repositório de evidência científica validada, com mecanismos de obtenção compreensiva de artigos clínicos, saúde pública, ciências sociais, economia, psicologia, engenharia, entre outros.

Plataforma em desenvolvimento

Destinatários: Cidadãos e investigadores

 

Instituto de Saúde Pública da Universidade do Porto

BrainOnTrack, pretende avaliar o neuro tropismo associado à infeção por SARS-COV-2 e produzir informação sobre desempenho cognitivo e informação associada. Referenciação para consulta de neurologia, para tratamento e filiação etiológica das alterações identificadas.

Plataforma: brainontrack.com

Destinatários: Cidadãos

 

ISCTE-Instituto Universitário de Lisboa

Covid Check ajuda a otimizar a comunicação oficial e a esclarecer questões sobre a pandemia, através do entendimento público de informação codificada, classificada, validada e transformada em recomendações para os cidadãos, idosos e outros grupos de risco.

Plataforma em desenvolvimento

Destinatários: Cidadãos

 

Lusíadas SA

Avaliação de sintomas, suporte por chat com um profissional de saúde para triagem e acompanhamento.

Plataforma: todosporum.pt

Destinatários: Cidadãos e profissionais de saúde

 

NIALP - Intercultural Association Lisboa

Facilitar a integração e a prestação de cuidados de saúde com informação sobre a doença para a comunidade asiática com suporte para Inglês, Nepalês, Hindi, Bengali, e Paquistanês, com mensagens em áudio, vídeo e texto.

Plataforma em desenvolvimento

Destinatários: Cidadãos

 

Palavras Legadas, Unipessoal Lda

CoronaKids é um site lúdico-pedagógico, dirigido a crianças e jovens, com o objetivo de informar sobre a Covid-19.

Plataforma: coronakids.pt

Destinatários: Crianças e jovens

 

Sales & Novais, Lda

Gestão da sintomatologia, apoio na triagem e estudar a evolução da doença, detectar padrões e criar modelos estatísticos sobre Covid-19.

Plataforma: covidapp.pt

Destinatários: Cidadãos

 

UNITATE - Associação de desenvolvimento da Economia Social

Bolsa de Disponíveis online que providencia a recolha de informação de cidadãos com interesse em auxiliar as IPSS.

Plataforma em desenvolvimento

Destinatários: Cidadãos e IPSS

 

Esta linha de apoio destina-se a apoiar soluções digitais de implementação rápida – plataformas eletrónicas ou aplicações – para a promoção da saúde pública e da mitigação dos efeitos da pandemia pelo novo coronavírus em Portugal.

A EDP associa-se à iniciativa Gulbenkian Soluções Digitais Covid-19 ao contribuir com mais 100 mil euros para esta iniciativa, o que perfaz um total de 200 mil euros para apoio a um conjunto máximo de 20 projetos.

 

Procuram-se plataformas eletrónicas e aplicações prontas a iniciar de forma imediata e que respondam a, pelo menos, um dos seguintes objetivos:

  1. disseminar mensagens de saúde pública e informação fidedigna associada à pandemia;
  2. promover cuidados de saúde remotos;
  3. promover a boa gestão da sintomatologia e da própria doença;
  4. mobilizar recursos e redes de apoio;
  5. outras necessidades que resultem da pandemia pelo novo coronavírus.

 

Prazos de candidatura

De 26 março a 2 abril 2020 (até às 23:55)

O prazo limite de submissão foi prorrogado para dia 10 de abril às 23:55.

Os resultados serão divulgados até dia 17 de abril.

 

Elegibilidade

  • As soluções deverão responder a pelo menos um dos objetivos descritos;
  • Privilegiam-se soluções já em funcionamento, ou com expectativa de arranque rápido, que respondam a necessidades bem identificadas e que não sejam atualmente satisfeitas;
  • Será dada preferência a projetos que integrem parcerias com serviços e entidades prestadoras de cuidados de saúde e/ou instituições de investigação;
  • Os custos elegíveis devem estar associados a necessidades de financiamento urgente que promovam a aceleração da solução e não estejam já a ser financiadas por outras vias;
  • São elegíveis entidades públicas e privadas, com ou sem fins lucrativos, sediadas em Portugal;
  • As soluções deverão ser gratuitas e de acesso universal.

 

Como concorrer

  • Só são aceites candidaturas online.
  • Faça o seu registo.
  • Antes de submeter o formulário de candidatura, verifique por favor todos os critérios de elegibilidade e leia atentamente o Regulamento.
  • A candidatura só será aceite depois de preenchido o formulário. Por fim, clicar no botão “submeter candidatura”

Perguntas Frequentes

Sim. O acesso universal significa que deverá ser dirigido a todos os potenciais beneficiários dentro do público-alvo para o qual o projeto poderá ter interesse.

Sim, são elegíveis estes custos, desde que não estejam a ser já suportados por outro programa de financiamento.

Não há período máximo de duração, mas existe um período mínimo de 3 meses.  A capacidade de disponibilização da solução ao público deve ser imediata, para assegurar a disponibilidade do projeto durante a fase crítica da pandemia pelo novo coronavírus.

Não, o financiamento atribuído será um subsídio não reembolsável.


EM PARCERIA COM

Logo EDP

Para mais informação, enviar e-mail para [email protected]

 

Em caso de dificuldade na criação de conta ou em efetuar o login, consulte as Perguntas Frequentes.


Este apoio integra o Fundo de Emergência Covid-19, no valor de 5 milhões de euros, que pretende contribuir para reforçar a resiliência da sociedade nos principais domínios de intervenção da Fundação.

Saiba mais