Carregar Eventos
  • Este evento já decorreu.
  • Filme

O Que a Noite Rouba ao Dia, de Paulo Botelho Menezes

Antestreia do filme

Quando

Seg, 10 dezembro 2018
18:30

Onde

Coleção Moderna – Sala Polivalente
R. Dr. Nicolau Bettencourt , Lisboa
217 823 474
Google Maps »

Bilhetes

Entrada gratuita mediante levantamento de bilhete no próprio dia

Portugal, 2018, 67’
Língua original: português
Legendas em inglês
Cópia cedida por Paulo Botelho Menezes, 2014
Debate:19:40 com a presença de Cláudio da Silva
Filme financiado no âmbito dos apoios à produção em 2012, pelo Programa Gulbenkian de Artes Performativas/Fundação Calouste Gulbenkian

Ficha técnica
Elenco: Cláudio da Silva, Catarina Wallenstein, Rui Morrison, Sofia Dinger, Marcello Urgeghe, Sara Cipriano, Manuel Mozos, Joana de Verona
Assistência de Realização: Mónica Bárcia / Henrique Barroso
Direcção de Fotografia: Andreia Santos
Fotografia adicional: Mónica Bárcia / Henrique Barroso / André Marques / Paulo B. Menezes
Argumento / Produção / Realização / Montagem: Paulo B. Menezes

 

SINOPSE
Um assistente de realização especializado na procura de lugares para filmagem vagueia entre a realidade e a ficção do seu imaginário, um que é alheio à pragmática do mundo, antes fundindo-se nas encruzilhadas com as personagens e os seus papéis, no seu desejo de realizar o seu próprio filme e na dificuldade de o fazer. São essas personagens que permeiam o seu universo e que dão corpo protetor ao protagonista e ao seu universo cada vez mais fechado em si próprio.

Nascido em Portugal em 1976, interessou-se na infância especificamente pelo cinema. Inicia em 2002 atividade de edição de música experimental fundando a editora Plancton Music até à presente data. Licenciado em cinema pela Escola Superior de Teatro e Cinema, criou um número de peças de videoarte e cinema experimental exibidos em países em Portugal, Espanha, França, Alemanha, Holanda, Suécia, Finlândia, Itália, México, Brasil, Peru, Argentina, Reino Unido, Roménia e Áustria. Em 2016 iniciou-se também à curadoria de programas representativos de videoarte & cinema experimental portugueses, em Portugal e no estrangeiro, através da Oblíqua, Videoarte & Cinema Experimental. Em 2018 acaba o filme O Que A Noite Rouba Ao Dia - longa metragem de narrativa experimental.

 

Filmografia

O Que a Noite Rouba ao Dia, 2018
Existentia, 2016
She Got the Idea, 2016
Solitude, 2015
And So Will Our Sorrows One Day, 2015

 

SOBRE AS ANTESTREIAS EM CINEMA
O Que a Noite Rouba ao Dia é a terceira antestreia de filmes que resultam dos apoios dados pela Fundação Calouste Gulbenkian à produção do cinema português contemporâneo e será apresentado por Ricardo Vieira Lisboa. Em setembro de 2017 apresentaram-se igualmente na Sala Polivalente da Coleção Moderna dois filmes apoiados pela Fundação – Aos Nossos Amigos de Afonso Mota (em antestreia) e A Fábrica de Nada de Pedro Pinho (em estreia nacional).

Em agenda