Pequeno Grande C

Um concurso que valorizava a criatividade, a colaboração e o direito de autor junto das crianças. E inspirava os professores a fazê-lo em contexto de sala de aula

Um projeto dirigido às escolas do 1º e 2º ciclos do Ensino Básico (jovens entre os 6 e os 12 anos de idade), em que se propunha que os alunos concorressem com uma obra original – um livro de autor – produzida em contexto escolar por professores e alunos. Cada livro constituia um objeto único a concurso com três variantes de análise, ou seja, três atividades criativas: a construção do livro propriamente dito, a criação de uma narrativa e a respetiva ilustração. Este concurso teve início no ano letivo de 2011-12, terminando em 2015-16. 

 

O que fizemos?

Desafiámos os professores a construírem com os seus alunos uma narrativa e a sua ilustração encadernadas num livro de autor que cultive a imaginação, a originalidade e a coerência.

 

Como?

– Concurso para o coletivo professor/turma
– Cursos acreditados de escrita, ilustração e encadernação para professores
– Videotutorias
– Espetáculos inspirados nas obras premiadas
– Exposição das obras selecionadas na Fundação Gulbenkian e por todo o país em colaboração com os professores bibliotecários
– Manual de atividades associadas à exposição

 

Testemunho dos alunos participantes
(O que gostaram mais de fazer na construção do vosso livro?)

– Ver livros diferentes, com ilustrações muito giras e originais
– Ver filmes com ideias sobre a escrita e ilustração de textos
– Escrever histórias
– Pintar e fazer ilustrações com técnicas (recorte e colagens, desenhar sobre letras…) e materiais diferentes (tecidos, feijões, jornais, sprays, plasticinas…)
– Desenhar e poder participar no projeto, numa nova experiência
– Tirar as fotografias utilizadas no livro
– Trabalhar em equipa e discutir ideias
– Trabalhar de formas diferentes: individualmente, a pares ou em grupos maiores

 

Testemunho dos professores
(Ponto de vista da turma)

– Desenvolvimento de competências no domínio da oralidade, escrita e leitura
– Contacto e aprofundamento de obras literárias/autores
– Desenvolvimento de competências no âmbito das TIC, designadamente, ao nível do processamento de texto e manipulação de imagens
– Desenvolvimento de competências artísticas (expressão plástica e dramática)
– Desenvolvimento de competências respeitantes ao trabalho colaborativo/em equipa e tomada de consciência da sua importância
– Desenvolvimento da criatividade e imaginação
– Aumento da responsabilidade no cumprimento de prazos e tarefas
– Fortalecimento das relações interpessoais
– Criação de hábitos de leitura e escrita
– Maior motivação e envolvimento escolar
– Desenvolvimento de competências sócio-afetivas
– Estímulo à participação, desenvolvimento do sentido crítico
– Desenvolvimento da autoestima e autoconfiança
– Trabalho colaborativo entre professores, articulação das várias disciplinas, maior interdisciplinaridade
– Consolidação da relação professor/aluno
– Criação de um espaço de discussão em torno de assuntos de interesse dos alunos na sala de aula

 

Os parceiros

– Fundação Calouste Gulbenkian (Programa Educação para a Cultura e Ciência, Programa Língua e Cultura Portuguesas)
– AGECOP
– Centro de Formação de Escolas António Sérgio
– Câmara Municipal de Lisboa
– Escolas participantes