Didu

Visita pedagógica

Esta visita tem origem na vontade de partilhar a prática desenvolvida ao longo dos últimos anos pela equipa responsável pelas propostas dedicadas aos públicos com necessidades educativas especiais – um conceito transversal aos diferentes espaços museológicos e produções artísticas na Fundação Calouste Gulbenkian.
A prática de mediação nasce da relação com a obra de arte em contexto de museu. Sendo a educação artística um meio não formal de aprendizagem, acreditamos que esta metodologia é transversal ao trabalho desenvolvido nas escolas e por outros agentes educativos. Através de um percurso em que a obra de arte é o ponto de partida para a construção de um diálogo, tentaremos:
– partilhar os saberes que se vão acumulando pela prática de trabalho com esta população específica;
– adquirir e diversificar ferramentas para uma melhor caracterização e conhecimento destes públicos;
– abordar diferentes metodologias de intervenção e refletir sobre os diversos caminhos que se apresentam ao professor/mediador;
– experimentar alguns exercícios e relacioná-los com os processos de intervenção.

Palavras-chave
Metodologia, estratégias, mediação, construção

Conceção e orientação
Margarida Rodrigues, Margarida Vieira

Out-jun / Qui / 14:30-16:00

Esta atividade destina-se a estudantes, professores, profissionais e técnicos que trabalhem com este público. E requer marcação e reunião prévia com a equipa responsável, de modo a constituir um programa específico adaptado ao perfil. 

Instituição

Data de Marcação

Local

Dados do grupo

Requer marcação

Entre em contacto connosco para que possamos organizar uma sessão que se adapte às suas necessidades.

Sobre a atividade:

Duração: 90 minutos

Mínimo de participantes: 6

Máximo de participantes: 20

Língua: Português

Preço: 2,00 € (Preço por bilhete)

Onde:

Ponto de encontro: Fundação Calouste Gulbenkian - Coleção Moderna

Abrir Google Maps

Detalhes da atividade:

Época:

Ciclo:

Tipo:

Equipa educacional: