FCG Secção: Atividades Educativas

O artista sai para a rua! – pintura de paisagem na Coleção do Fundador

Visita desenhada

Sentamo-nos ao ar livre para pintar uma paisagem. Uma nuvem passa e as cores mudam, o sol baixa e as sombras transformam-se… Como captar, numa pintura, o aqui e agora?
Este foi um dos grandes desafios que os pintores que no século XIX enfrentaram, quando decidiram sair do seu ateliê e pintar ao ar livre. Munidos de bisnagas de tinta que eram produzidas industrialmente e prescindindo das laboriosas etapas da manufatura de pigmentos, os pintores encontraram uma liberdade de movimento que deu origem a grandes transformações na história da pintura.
Nesta visita dedicada à pintura de ar livre abordaremos os pintores da Escola de Barbizon e do grupo dos Impressionistas que se dedicaram a essa pesquisa e continuaremos pelo Jardim, experimentando, em aguarela, o traço rápido, a pincelada fluida, a captação das impressões de luz, num exercício de descomprometida e descomplexada pintura ao ar livre.

Conceção e orientação
Hugo Barata


Os exercícios serão praticados com aguarela. Serão providenciados materiais de pintura. Os visitantes que tenham o seu próprio material deverão trazê-lo. 

Próximas sessões

Sobre a atividade:

Duração: 120 minutos

Mínimo de Participantes: 10

Máximo de Participantes: 25

Idioma: Português

Preço: 6,00 €

Onde:

Ponto de Encontro: Jardim - Centro Interpretativo Gonçalo Ribeiro Telles

Abrir Google Maps

Detalhes da atividade:

Época:

Ciclo:

Tipo:

Equipa educativa: